Open top menu
“Vai ter mais”, diz Bolsonaro ao comentar ação da PF contra Witzel

“Vai ter mais”, diz Bolsonaro ao comentar ação da PF contra Witzel

“Vai ter mais”, diz Bolsonaro ao comentar ação da PF contra Witzel

O presidente deu a declaração a apoiadores na porta do Palácio da Alvorada nesta quarta-feira, mas ressaltou que não se trata de informação privilegiada

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na manhã desta quarta-feira (27), em frente ao Palácio da Alvorada, que em seu governo ocorrerão mais ações da Polícia Federal (PF) como a de terça-feira (26), que teve como alvo seu desafeto político, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC).

“A Polícia Federal está agindo”, comentou após uma apoiadora comemorar a ação da PF no Rio.

“Vai ter mais, enquanto eu for presidente, vai ter mais. Isso não é informação privilegiada, não. Vão dizer que é informação privilegiada”, acrescentou Bolsonaro.

Ao ser interpelado por um homem que disse morar nos Estados Unidos, Bolsonaro elogiou o presidente do país, Donald Trump, e afirmou que ele mandaria ao Brasil um carregamento do remédio defendido pelos dois presidentes para o tratamento da covid-19.

“Ele está mandando para cá dois milhões de comprimidos de hidroxicloroquina”, anunciou Bolsonaro.

Estudos recentes mostraram que a hidroxicloroquina não só tem pouco efeito no tratamento de infectados pelo novo coronavírus como pode até agravar o quadro de saúde de pessoas que tomam o remédio.(R7)

Foto: EFE/ Joédson Alves – 26/05/2020

<