Open top menu
Novo presidente do BNDES já foi condenado por arrombar portões de condomínio

Novo presidente do BNDES já foi condenado por arrombar portões de condomínio

Novo presidente do BNDES já foi condenado por arrombar portões de condomínio

Gustavo Montezano, novo presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foi condenado pela Justiça por ter arrombado em 2015 dois portões de seu edifício. Segundo a Folha de S. Paulo, o economista queria continuar sua festa de aniversário, que teve início em outro local, e entrar no condomínio com cerca de 30 convidados.

Na sentença, o juiz Guilherme Ferreira da Cruz, disse que as imagens de segurança do local mostram um “comportamento incivil”, parecido com “um arrastão”. Em sua defesa, ele negou que era uma festa e disse que se tratava só de uma reunião.

O processo foi encerrado em junho de 2018 após um acordo. Montezano teve de pagar R$ 28 mil, equivalente a um mês de aluguel no condomínio em que mora.

Um dos convidados da festa era o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro.

Em nota, o Ministério da Economia diz que o processo de Gustavo Montezano já foi encerrado e teve os débitos quitados.(Istoé)

<