Open top menu
Mourão faz busca por grampos em seus gabinetes e confirma clima de “guerra” com Bolsonaro

Mourão faz busca por grampos em seus gabinetes e confirma clima de “guerra” com Bolsonaro

Mourão faz busca por grampos em seus gabinetes e confirma clima de “guerra” com Bolsonaro

Vice-presidente usou a justificativa de executar um “procedimento de rotina” e mandou seus seguranças realizarem uma varredura no Palácio do Planalto e no Palácio do Jaburu

O relacionamento entre presidente e vice, definitivamente, não é dos melhores, embora a cúpula do governo insista em dizer o contrário.

O general Hamilton Mourão usou a justificativa de executar um “procedimento de rotina” e mandou seus seguranças realizarem uma varredura em busca de grampos nas salas do gabinete da vice-presidência, no anexo do Palácio do Planalto e no Palácio do Jaburu.

A suspeita de espionagem não se confirmou. Entretanto, mostrou o grau de tensão entre Jair Bolsonaro e Mourão.

Campanha

As divergências entre ambos tiveram início na campanha eleitoral e se intensificaram durante o mês de abril.

A situação ficou quase insustentável a partir das críticas diárias feitas a Mourão por Carlos Bolsonaro, filho do presidente, e quem toma conta das redes sociais do pai.

Carlos acusou Mourão de ser traidor e de conspirar para derrubar Bolsonaro para ficar em seu lugar.(Fórum)

Com informações da Época

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Deixe seu comentário