Open top menu
Ministério da Economia nega estudo para novos saques imediatos do FGTS

Ministério da Economia nega estudo para novos saques imediatos do FGTS

Ministério da Economia nega estudo para novos saques imediatos do FGTS

O Ministério da Economia informou nesta sexta-feira que não estuda nenhuma medida de saque imediato das contas do FGTS em meio a notícias de que a investida poderia ser considerada no âmbito das iniciativas para dar impulso à economia num momento de disseminação do coronavírus.

“O Ministério da Economia informa que não está em estudo nenhuma medida de saque-imediato das contas do FGTS”, informou a assessoria de imprensa da pasta.

As informações são da Agência Reuter

Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

<