Open top menu
Maior raio do mundo, de 709 km de extensão, é registrado no Brasil, diz OMM

Maior raio do mundo, de 709 km de extensão, é registrado no Brasil, diz OMM

Maior raio do mundo, de 709 km de extensão, é registrado no Brasil, diz OMM

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) registrou dois recordes de raios: o mais extenso e o mais longo em segundos

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) divulgou nesta sexta-feira (26/06) o registro de dois recordes de raios: o mais extenso em distância percorrida e o mais longo em segundos. São chamados “megaflashes”.

O mais extenso foi registrado no Brasil. Ele percorreu 709 km em uma linha horizontal, cortando o Sul do Brasil em 31 de outubro de 2018. É mais que o dobro do recorde anterior, registrado em Oklahoma (EUA), com 321 km.

Quanto ao de mais longa duração, foi registrado na Argentina e durou 16,73 segundos a partir de um flash que começou no norte do país, em 4 de março de 2019. Este também ultrapassou a marca anterior duas vezes, que era de 7,74 segundo e havia sido em Provence-Alpes-Côte d’Azur, na França, em 30 de agosto de 2012.

De acordo com o G1, a OMM revelou que, tanto o registro anterior quanto o novo usaram a mesma tecnologia para medir a extensão do flash. “Esses são registros extraordinários de eventos únicos de relâmpagos. Eventos climáticos extremos são medidas vivas do que a natureza é capaz, bem como o progresso científico em poder fazer essas avaliações. É provável que ainda haja extremos ainda maiores e que possamos observá-los na medida que a tecnologia de detecção de raios melhorar”, disse o professor Randall Cerveny, relator-chefe de extremos climáticos da OMM.(Metrópoles)

Foto/Reprodução

<