Open top menu
Flordelis se incomoda com acusação de envolvimento com os Bolsonaros: “Eu não sou amiga da primeira-dama”

Flordelis se incomoda com acusação de envolvimento com os Bolsonaros: “Eu não sou amiga da primeira-dama”

Flordelis se incomoda com acusação de envolvimento com os Bolsonaros: “Eu não sou amiga da primeira-dama”

A deputada, suspeita pelo assassinato do marido, disse ainda: “nem sequer fui eleita na onda do Bolsonaro. Fui eleita pelo meu trabalho em comunidade”
A deputada Flordelis (sem partido-RJ) declarou nesta quinta-feira, em audiência do Conselho de Ética da Câmara, que não é amiga da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, ou do próprio presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido).
Flordelis é acusada de ter mandado matar o marido, o pastor Anderson do Carmo. Durante a audiência, ela fez perguntas ao delegado da Polícia Civil do Rio de Janeiro Allan Duarte Lacerda, que investigou o crime. Na ocasião, ela demonstrou insatisfação sobre a vinculação política citada nos autos.
“Foi dito, delegado, que eu sou amiga da primeira-dama e colocado uma foto minha durante essas investigações, com a primeira-dama. Queria perguntar também por que não foi exposta, delegado, outras fotos minhas com pessoas públicas, inclusive com outros parlamentares. Eu não sou amiga da primeira-dama”, disse Flordelis e acrescentou: “nem sequer fui eleita na onda do Bolsonaro. Fui eleita pelo meu trabalho em comunidade”.
O delegado explicou que apenas consignou relato de um dos filhos de Flordelis, Lucas Cézar dos Santos, que fez considerações sobre a possibilidade de não ser punido pela participação do crime por causa das relações políticas da deputada.
Lucas irá a júri. Ele é acusado de ter ajudado o irmão Flávio a comprar a arma usada no assassinato.(Fórum)
Com informações do Globo
Foto: Reprodução TV Câmara

<