Open top menu
AVALANCHE DE PROTESTOS ALCANÇA TODOS OS ESTADOS BRASILEIROS

AVALANCHE DE PROTESTOS ALCANÇA TODOS OS ESTADOS BRASILEIROS

AVALANCHE DE PROTESTOS ALCANÇA TODOS OS ESTADOS BRASILEIROS

A onda de protestos contra o bloqueio de verba na Educação feito pelo governo do presidente Jair Bolsonaro alcançou todos os estados brasileiros ainda na manhã desta quarta-feira (15). As 26 unidades da Federação e o Distrito Federal registraram atos pacíficos. Universidades e escolas também tiveram paralisações. Os protestos contam com apoio de entidades ligadas a movimentos sociais, a partidos políticos e também sindicalistas.

Em São Paulo, estudantes saíram às ruas ainda ao nascer do sol para protestar. O estado também registrou atos em Campinas e em Sorocaba, no interior.

Em Belo Horizonte, uma multidão de manifestantes tomaram a Praça da Estação.

No Rio de Janeiro, universidades e escolas aderiram aos protestos e suspenderam as aulas.

Na capital da Bahia, Salvador, nada menos que de 25 mil pessoas entre estudantes, docentes, servidores e pai de alunos participaram do ato realizado no bairro de Campo Grande.

Os atos protestos alcançaram todas as regiões do estado de Pernambuco.

No Rio Grande do Norte, a governadora Fatima Bezerra (PT), afirmou ser “preciso discutir sobre um retrocesso, sobre um equívoco brutal que é o corte de recursos na Educação”. “A comunidade acadêmica está seriamente ameaçada, sem falar no impacto social e econômico que isso causará. O desemprego crescerá”, disse ela no Facebook.

“Estou aqui não somente como governadora, mas principalmente como professora e como cidadã que sou. O que está em questão é a cidadania e a dignidade do povo. Quero conclamar a sociedade norte-riograndense, não só os pais e familiares dos alunos do IFRN, mas a classe empresarial, a OAB, todas as entidades representativas norte-riograndenses para fazer parte desta luta”, acrescentou.

Em Goiânia (GO), a Secretaria Municipal de Educação e Esporte de Goiânia informou que “69% das instituições de ensino da rede municipal aderiram ao movimento, totalizando 245 unidades, que suspenderam suas atividades do dia”.(247)

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.