Open top menu
A POESIA MAIS REVOLUCIONÁRIA DO MUNDO

Avaliação da notícia

(0 Votos)

A POESIA MAIS REVOLUCIONÁRIA DO MUNDO

Por Ricardo Lima

 

Eis a poesia mais revolucionária do mundo

que imundo é um moinho

do snack dom quixote

temperado com uns bons vinho

bordeaux ou chiantis

mas sem com cervantes

 

E olavo bilac de pileque

vomitando, vira pollock

outro artista de lambuja

ou toureiro com tourette

minotauro boca-suja?

 

Qual a sua, menino boy?

A fruta que tu come

cheia de cica

também te destroi

seja oiticica

seja cebolinha

seja helói

 

Sob a fúria de mil anjos

na cabeça de um alfinete

shakespeare num palacete

numa banheira de fandangos

 

Se já se encheu de godard

que tal deixar de vez

a tal nouvelle vagar?

Pois já dizia tzara

que poesia boa

é pra incomodadá

 

E por favor

quem copiar meu ato

não seja peralta

mantenha o formato

e não mexa

na caixa alta.

Deixe seu comentário